Cuidados com o corpo evitam dores no dia seguinte da limpeza da casa, bem como lombalgia e hérnia de disco

Algumas pessoas até gostam, mas a grande maioria sofre só de pensar em limpar a casa. Além da preguiça, se o serviço for pesado, a faxina se torna sinal de dores no corpo no dia seguinte. Mas existe um jeito de enfrentar esse desafio sem medo do desconforto de amanhã: tomando cuidados básicos de postura e fazendo alongamentos.

“Fazer uma faxina pesada sem ter cuidados com o corpo pode gerar problemas musculares, como a fadiga dos músculos, câimbras e tendinite, além de dores nas costas, inflamações na altura do nervo ciático ou crise de hérnia de disco”, comenta o ortopedista Luiz Carelli, que explica ainda como evitar que esses problemas apareçam.

Cuidado com a coluna – “Nunca se deve abaixar o tronco, se inclinando”, orienta. O certo é se posicionar da maneira mais vertical possível, dobrando os joelhos e o quadril. Quando for varrer ou passar o rodo, é importante evitar se abaixar. Mas, se for necessário, siga a dica.

Divida o peso dos móveis – Segundo o médico, é sempre bom pedir a ajuda de alguém que tenha mais massa muscular (no caso, o auxílio de um homem é sempre bem vindo). “Carregar em duas ou três pessoas é muito mais fácil e não sobrecarrega a coluna de ninguém”.

Esfregando roupas – Se o jeito for lavar as roupas no tanque, também existem cuidados a serem tomados. “Evite dobrar o corpo para frente para não causar lombalgia, senão vai acabar sofrendo com as dores na coluna”, orienta. A altura ideal do tanque para que não seja necessário se inclinar é que bata no umbigo. “Além disso, o esforço repetitivo de esfregar pode causar tendinite no punho, cotovelos e ombros. Podem surgir ainda dores no tórax, o que chamamos de costocondrite”.

Tempo de faxina – “É preciso ter bom senso. Qualquer exercício ou atividade física não se deve fazer por longos períodos. O mesmo serve para a limpeza. O ideal é que não se passe mais do que duas horas fazendo os serviços domésticos, sempre se preocupando em se alongar durante a faxina. Se precisar continuar, que descanse ao menos de 15 a 20 minutos. “Vale frisar que a limpeza não deve ser feita por dois dias seguidos, já que o corpo vai precisar de pelo menos 24 horas de repouso”, alerta.

Em caso de dores – Aquela receita de sempre, que é muito importante: nunca se automedicar! “Se as dores persistirem, é preciso procurar um ortopedista para que ele analise o caso e defina se vai indicar o uso de um analgésico ou relaxante muscular. É muito importante ir ao médico! A automedicação pode causar distúrbios sérios no organismo”, finaliza.