Pai joga bebê recém-nascido em um penhasco porque ele queria um menino, mas ela sobrevive

Para a maioria das famílias receber um bebê é um momento muito especial da vida, independente do sexo da criança.

Infelizmente, o mundo em que vivemos apresenta momento de extrema crueldade e inexplicável maldade

Em outubro de 2018 um pai descontente, no sul da China, tirou seu bebê de Magui Health Center, aum hospital em Guangdong e tentou matá-lo.

A razão disso? Simplesmente porque não nasceu homem.

De acordo com os repórteres locais, o homem, cujo nome de família é Li , enrolou a recém nascida num saco de nylon e jogou-a de um penhasco, na floresta local e deixou-a para morrer.

Quando questionando ele confirmou que fez isso porque queria se livrar dela.

O resgate

A equipe de resgate escalou cuidadosamente o penhasco, esperando encontrar o bebê já morto por conta da queda, mas por algum motivo a bebê havia caído em galhos de árvores que impediram o choque da queda com o chão.

Todos os presentes atribuem o fato a um milagre, porque levada ao hospital, a pequena estava viva, apenas com escoriações que foram prontamente tratadas.

Ela foi devolvida aos braços da mãe e o pai foi para a cadeia.

Explica-se que a tradição local é que os homens (filhos) tomem conta dos pais quando estes ficarem velhos e as mulheres são “descartáveis”.

Costume ou não, o criminoso está preso por tentativa de homicídio.

Fonte: The Asian Singapore