Bebê chora e a mãe acha que ele foi picado por uma abelha, até que seu pé começa a ficar azul

É muito bom aproveitar o verão e a primavera em família. Ir à praia, passear por bosques e florestas são atividades de reenergizam e reaproximam a família.

Elisabeth Nordgarden/ Facebook

De acordo com Newsner, Elisabeth Nordgarden levou um tremendo susto num desses passeios e percebeu que a beleza das estações apresenta perigos que deve nos deixar alerta com relação a nós e principalmente, com relação às crianças, que são curiosas por natureza.

Kritoffer Nordgarden estava brincando normalmente, como todos os outros amigos, quando de repente ele gritou e chorando, correu para a mãe. Vendo as lágrimas nos olhos do pequeno de 3 anos de idade, a mãe pensou que não fosse nada sério, porque olhou o corpo da criança e não viu nada que chamasse a atenção.

Elizabeth nem imaginava que aquele seria o momento exato em que a vida do filho passava a correr risco.

Pensando que ele havia tropeçado em um galho ou tivesse sido picado por uma vespa, entretanto, cerca de 15 minutos mais tarde o pé de Kristoffer começou a ficar azul. Nesse momento sua mãe percebeu que era grave e chamou o resgate.

“O helicóptero e a ambulância chegaram rapidamente. Após examinar eles disseram que uma cobra venenosa havia picado meu filho e ele precisaria ser levado com urgência ao hospital.”, disse Elizabeth

Kristoffer recebeu o antídoto e começou a apresentar sinais de melhora, quando de repente ele começou a piorar. Piorar muito!

O que ocorreu foi que a criança teve uma hemorragia intestinal. Era o resultado da picada da serpente, que era bastante venenosa.

Uma vez no hospital a criança começou a perder peso rapidamente e é claro que a mãe temia por sua vida!

Felizmente os médicos conseguiram reverter o quadro, mas alertaram que ele esteve bem perto de perder a vida. Também recomendaram que todos fiquem espertos durante o verão, que é quando as víboras aparecem com mais frequência e muitas vezes, em locais muito frequentados.

Informe outras pessoas dessa possibilidade, seja contando o relato de Kristoffer ou compartilhando esse artigo. É importante que todos se mantenham alerta, quando em situação semelhante.

Fonte: Newsner

Veja e inscreva-se em nossa página do YouTube: